Close

Jovem Talento da Gastronomia

No dia da prova olhar para eles o futuro de Portugal, ali perante mim, nervosos e a tremer mas a acreditar e a sonhar

Andreia Moutinho

por Andreia Moutinho

Jovem talento da Gastronomia

O facto de ser júri do Jovem Talento da Gastronomia é de imensa responsabilidade. No dia da prova olhar para eles, o futuro de Portugal, ali perante mim nervosos e a tremer mas a acreditar e a sonhar. Para mim, todos eles são vencedores, mesmo não sabendo o resultado final, pois apesar de estarem naquele momento em prova no Jovem Talento da Gastronomia, já foi muito trabalho feito em casa. Entre a pesquisa sobre o que fazer, e os testes para chegar ao resultado final, entre os dias de treino em que provavelmente acordaram a pensar no prato e adormeceram a pensar nele, o nervosismo instala-se. Atenuantes, o envolvimento de todos os que os rodeiam e os amam e que fizeram com eles este percurso  torcendo por eles. Na recta final, a  antecipação ao começo da prova, sente-se no ar uma mistura de nervosismo e vontade de mostrar o que valem.

“Ser Júri do Jovem Talento da Gastronomia vai muito para lá da responsabilidade de ser formadora, de ajudar o futuro a ser construído com vontade, segurança e savoir faire

E então começa finalmente a prova, começam a baixar a guarda, entre nós jurados, vamos trocando uma  piada ou outra para que o ambiente não esteja pesado. E ai sim, começamos a notar o futuro de Portugal a dar cartas. Felizmente é sempre muito difícil, principalmente numa final, escolher um vencedor, pois a formação em Portugal evolui de ano para ano, a exigência e o rigor aumentam, reflexo dos grandes profissionais que encontramos hoje em dia a dar formação na escolas de hotelaria e nos centros de formação em geral.

“Não é só a sobremesa que nos vêm apresentar mas um todo, um pacote entre, atitude, saber e fazer”

O olhar de alguns, prontos para ouvir e “beber” cada comentário que façamos em relação a tudo o que façam, contrasta com a  insegurança demonstrada por outros através da arrogância das respostas ou posturas tomadas. Normalmente são sempre desarmados, e se tiverem inteligência suficiente, conseguem perceber que nós estamos lá por eles para os ajudar a alcançar o que desejam, ser o vencedor do Jovem Talento da Gastronomia na categoria de pastelaria. Não é só a sobremesa que nos vêm apresentar mas um todo, um pacote entre atitude saber e fazer.

Por isso se tu és um dos Jovens Finalistas boa sorte e acredita em ti e na tua receita. Nós estaremos lá para ajudar no que for possível.

Precisa de ajuda? Converse conosco